4 motivos que farão você investir em imóveis no interior do estado

Se você é um investidor de outros segmentos e está buscando alternativas de aplicar seu dinheiro, ou já está inserido no ramo de investimento em imóveis, mas apenas em grandes metrópoles do país, este artigo é destinado para você. Caso você não seja um investidor declarado, mas está com capital sobrando e ainda não sabe o que fazer com ele, o artigo também cabe perfeitamente para a sua realidade. O tema é de extrema relevância e pertinência, pois existem diversas justificativas para você investir em imóveis no interior Estado. O artigo está baseado no Estado do Paraná, mais precisamente na cidade de Ponta Grossa, que é onde a Construtora Laar atua. Porém, é muito possível que outros estados brasileiros se adequem a mesma realidade, cabe a você pesquisar os cenários da sua região.

 

A cidade de Ponta Grossa e seu crescimento econômico

 

Ponta Grossa é uma cidade localizada no interior do estado paranaense, com 341.130 de habitantes, segundo dados de 2016 do IBGE, sendo a maior entre todos os municípios que integram a Região dos Campos Gerais do Paraná. A cidade ostenta números positivos em diversos aspectos, como por exemplo na segurança, sendo reconhecida como uma das cidades mais seguras do Brasil, como informa o Ipea em estudo realizado no ano de 2005 e também no saneamento básico, sendo 7º lugar entre as 100 maiores cidades do Brasil, segundo dados do Instituto Trata Brasil. A evolução urbana de Ponta Grossa também é algo a ser destacado, pois ocorreram transformações em seu cenário urbano com a abertura de novas indústrias e comércios nos últimos anos, deixando de ter seu ponto forte exclusivamente no agronegócio. A cidade teve um dos maiores crescimentos econômicos no sul do Brasil, cerca de 50% entre 2010 e 2013. O crescimento foi maior, inclusive, do que que a média total do estado do Paraná. Também devido ao novo ciclo de industrialização o PIB de Ponta Grossa passou de R$ 6.17 bilhões (2010) para R$ 10.13 bilhões (2013), o que culminou em outros avanços, como no aumento do número de pessoas com emprego de carteira assinada e aumento do salário médio do município, que cresceu 63% de 2010 a 2015, o que resulta em no aumento do poder aquisitivo do cidadão pontagrossense e, com isto, mais pessoas estão interessadas em comprar e alugar casas e apartamentos de um imóveis.

Apartamentos em Ponta Grossa são uma boa forma de investimento imobiliário
Ponta Grossa se destaca pelo crescimento econômico e populacional.
Imagem: Prefeitura de Ponta Grossa.

 

Indo além do crescimento econômico, o crescimento populacional também ocorreu nos últimos anos no município. Segundo dados do IBGE do ano passado, entre 2015 e 2016 o crescimento da população foi de 0,96%, número maior do que a média nacional, que foi de 0,80%.

Com o perfil da cidade em mudança, o setor imobiliário se destaca e vem em crescimento desde então, representando excelentes oportunidades de investimento em imóveis, tanto para investidores locais quanto para os de outras cidades.

 

Menor valor do metro quadrado, maiores ganhos

 

Um aspecto fundamental quando se trata de investimentos, claro, é o dinheiro. E o maior destaque do mercado imobiliário de Ponta Grossa está relacionado à ele, devido ao baixo valor de metro quadrado para investimento em imóveis. O valor do metro quadrado pontagrossense, em estudo realizado no ano de 2015, indicava R$ 3.314. Este é o menor entre as maiores cidades do sul do país. Em grau de comparação, a cidade líder do ranking, Balneário Camboriú – SC, tem o valor de R$ 11.817m². Quando comparado à capital paranaense, Curitiba, que é de R$ 8.694m² pode-se perceber que a diferença segue muito alta mesmo entre as cidades do estado do Paraná. Com esta diferença, o valor de investimento em um imóvel de médio padrão, por exemplo, em Curitiba é mais que o dobro do valor de investimento em Ponta Grossa.

 

Ponta Grossa – PR foi considerada, segundo pesquisa, uma das 100 melhores cidades para se investir em imóveis

 

Segundo pesquisa realizada pelo Grupo Prospecta, Ponta Grossa enquadra-se em uma das 100 melhores cidades no Brasil para se investir em imóveis, figurando na 84ª posição da lista. O estudo foi feito em 2015 e analisou todas as cidades brasileiras com menos de um milhão de habitantes, o que representa 99% do número total de cidades no país. O município paranaense figurou entre o top 5 do estado e arrebatou índices que indicam ótimas oportunidades, tanto para investimento em imóveis de alto, como de médio e baixo padrão.

 

Indicadores de investimentos em Ponta Grossa
Indicadores de Ponta Grossa, considerada uma das melhores cidades para investimento em imóveis no Brasil.
Fonte: Exame / Prospecta.

 

Este dado reforça novamente as oportunidades que a cidade representa para quem deseja investir em imóveis no interior do estado, por contar com características positivas de boa renda per capta, população com bom nível de instrução e déficit imobiliário. Confira o ranking completo, bem como todos os indicadores clicando aqui.

 

 

Imóveis são uma boa opção de diversificar investimentos com segurança

 

Investir em imóveis, independente do modelo (residencial, comercial, terrenos, etc) é uma maneira muito segura de aumentar seus ganhos e adquirir uma nova renda extra. As pessoas necessitam de um lugar para morar, mesmo em períodos de crise (que inclusive pode aumentar a busca por aluguel de imóveis de baixo e médio padrão). A demanda por imóveis é constante, pois soma-se o déficit habitacional brasileiro ao aumento da população do país. Tudo isto influencia e culmina no aumento dos preços de imóveis no país, solidificando a opção como uma das mais seguras para se diversificar investimentos. Veja o gráfico abaixo que mostra a evolução dos valores de imóveis em comparação com o IBOVESPA em um mesmo período.

 

Investimento em imóveis em meio à crise econômica
O investimento em imóveis segue uma opção segura mesmo em meio à crise econômica.
Fonte: urbe.me

 

O investimento em imóveis no interior já vem sendo uma excelente opção de rentabilização há alguns anos e a tendência é que este fato se consolide cada vez mais. Se você tem interesse em investir no interior do seu estado, procure uma construtora de confiança e credibilidade no mercado. Busque referências e pesquise sobre o histórico da empresa. Faça uma escolha segura. Uma das dúvidas mais básicas neste meio está no momento de optar pelo investimento em imóveis a preço de custo ou no modelo de preço fechado. Em breve a Laar publicará o Guia do Investidor – Construção a preço de custo, vale a pena para você?, apresentando as diferenças entre o investimento em imóveis a preço de custo e preço fechado. Fique atento ao nosso blog e aguarde.

 

Quer investir no interior com ajuda da Laar? Clique no botão abaixo e converse com um dos nossos consultores

Botão agendar conversa

Com informações retiradas de: Wikipedia, Diário dos Campos, Época, Exame, URBE.ME, Fiesp, IBGE e Governo Federal.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *