Dicas para comprar o primeiro imóvel

O tempo está passando e você pensa diariamente em comprar o seu primeiro imóvel? Independente da sua idade, o que nós recomendamos é sair do aluguel o quanto antes.
Entretanto, comprar o primeiro imóvel não é algo tão simples, é preciso ter planejamento e fazer as escolhas de maneira muito bem pensada. E claro que nesse processo surgem diversas dúvidas: Casa ou apartamento? Imóvel novo ou usado? Financiado ou à vista? Vale a pena comprar um imóvel a preço de custo?
Reunimos neste artigo, maneiras de ajudar você a responder essas perguntas.

 

Dicas para comprar o primeiro imóvel
Várias dúvidas surgem durante o processo de compra do primeiro imóvel.

 

Casa ou apartamento?

Essa é uma das dúvidas iniciais de quem está pensando em comprar um imóvel e também é uma das primeiras a serem respondidas. Em alguns casos a decisão é bem simples, em outros, nem tanto.
Para encontrar a resposta, você precisa olhar para si mesmo. A escolha depende do seu estilo de vida e de seus planos para o futuro.
Uma casa leva vantagem por, geralmente, ter mais espaço, ser mais fácil de reformar e não ter vizinhos de parede (na maioria dos casos). Um apartamento se destaca pela melhor localização, ter menos barulho, ser mais seguro e mais fácil de limpar.
Cabe a você escolher qual imagina que vai se sentir melhor, de acordo com os planos para sua vida. Temos um artigo que fala mais sobre esse assunto, vale a pena a leitura: Casa ou apartamento: Qual comprar?

 

Imóvel novo ou usado?

Ao buscar um imóvel, o fator econômico é muito importante. Sendo assim, surge a dúvida: é melhor comprar um imóvel novo ou usado?
Na maioria das vezes, o imóvel usado tem um preço inicial mais baixo. Mas é preciso levar em consideração algo muito importante: Os gastos com reformas. Sim! Um imóvel usado não está em perfeitas condições como um imóvel novo, então reformas são necessárias, o que gera gastos que impactam no valor final da compra e o custo de um imóvel usado pode superar o investimento em um imóvel novo.

Além disso, existem as “dores de cabeça” que uma reforma pode ocasionar, pois ao reformar, você terá alguns dias sem sossego, sem privacidade e imprevistos podem acontecer, tornando a reforma um verdadeiro pesadelo.
Por fim, lembre-se que muitas vezes, o financiamento para imóveis novos possui taxas de juros mais baixas. Isso não é uma regra mas vale ficar de olho nisso também. Lembre-se disso e considere as vantagens financeiras e emocionais que a aquisição de um imóvel novo vai te trazer.

 

Dicas de financiamento

Financiar ou comprar à vista. Qual será que vale mais a pena? É claro que a aquisição de um imóvel à vista é muito mais vantajosa, mas não é todo mundo que consegue reunir a quantia suficiente para quitar o imóvel de primeira, então, é preciso recorrer ao financiamento. Algumas dicas para não “sofrer” com o valor final do imóvel financiado:
– Tome cuidado com a taxa de juros. Qualquer aumento no percentual, por menor que pareça, é extremamente significativo;
– Preste atenção no período total. Se você opta por um financiamento de 30 anos, vai pagar uma parcela mensal menor comparado à um financiamento de 20 anos, porém o valor final é muito maior, em consequência dos juros compostos.
– Dê o maior valor de entrada possível, pois uma boa entrada gera uma economia enorme no final do financiamento.

Para mais informações sobre financiamento imobiliário (e confirmar se vale a pena para você), acesse o artigo: Financiar imóvel em 2018 vale a pena?

 

Imóvel a preço de custo vale a pena?

Se você decidiu que vai comprar um apartamento e não está preocupado em se mudar imediatamente, um imóvel a preço de custo pode parecer muito atrativo pelo valor inicial. Porém, existem aspectos negativos em comprar um imóvel nessa modalidade.
O valor final do imóvel a preço de custo é imprevisível, as obras podem atrasar com facilidade e o comprador torna-se dependente do restante do condomínio para que a obra dê continuidade.
Nós recomendamos a compra de um imóvel a preço fechado, para que você não enfrente surpresas desagradáveis. Falamos mais sobre esse assunto no artigo: Comprei um imóvel a preço de custo e pediram aporte de capital. E agora?

 

Esperamos que essas dicas tenham sido úteis para ajudar você a comprar o primeiro imóvel. Se você decidiu comprar um apartamento novo e já está procurando opções, confira o portfólio LAAR.